terça-feira, 21 de junho de 2011

Hoje é o dia….

De loucuras….

De sexo selvagem…

De sedução… De gritos e gemidos…

Hoje é uma noite…

De alegria com pouca sabedoria…

De compaixão e de descobrimentos…

Hoje é dia de desejos e tentações...

Que invadem os nossos corpos sem nenhuma permissão…

Hoje despeço-me das intrigas e das mentiras…

E abro o meu coração para o mundo da sedução e pecadinhos…


Um olhar penetrante surge

Um amor ardente

Queima por dentro.

Teu toque macio e generoso

Eriça os pêlos do meu corpo

E desperta desejos, pensamentos libertinos

Anseio por sexo selvagem;

Anseio um terno carinho;

Anseio Teu sorriso; e

Anseio Teu olhos sobre mim.

Quando tudo isso que anseio acontecerá?




Afiando sua navalha no fio de meu desejo.

Vontade de Teu toque;

Vontade de Teu sexo;

Vontade de Teu olhar;

Vontade de Teus gemidos

Desejarás um dia que eu seja inteiramente Tua.....





Me toca afinado,

Me provoca afiado,

Alumina, aromatize,

Me liberta

Que serei Tua...

PP

2 comentários:

Savannah disse...

Ola

Que lindo seu texto.

Ótimo feriado.

Savannah

Sorry i cant fly... disse...

Considero as minhas sextas-feiras assim... Sexta-sem-lei....kkkkkkk
Assim desfruto com o amado tudo o que relata em seu poema...rsss
Lindo seu blog.
Bjlhões.